Eu sou um Missionário


{b.a}

Anúncios

Se eu Pudesse


Se eu pudesse ver os raios de luz
Do Teu trono de diamante
E pudesse sentir as vibrações
Das notas que os anjos entoam

Eis-me aqui
Encontra-me
Desejo ver
Somente a Ti
Hoje aqui…

Imergido na densa nuvem de glória
Envolvido no Teu perfume tão doce…

Dono absoluto


Em Fevereiro de 2013 eu estive num retiro de verão em Piracicaba. Naquele tempo estava experimentando algo novo no Senhor. Os cultos eram bem espontâneos e isto me ajudava a fluir no Senhor coletivamente.

Apesar da espontaneidade na adoração, ainda havia algo dentro de mim (e eu não sabia o que era) que me prendia, e me impossibilitava de romper completamente. Foram horas de esforço e luta em oração, clamando ao Senhor por orientação (que Ele me levasse exatamente onde estava o problema dentro do meu coração).

Os irmãos do louvor começaram a cantar uma canção: “Tu és tão Lindo, Senhor. És incomparável, Senhor…” Parei de orar e fiquei prestando atenção na letra. Então eles chegaram ao coro da música, que diz: “A minha vida entreguei / Tudo a Ti entreguei / O meu presente entreguei / O meu futuro eu entreguei / Sou Teu escravo Senhor / Não tenho direitos / Me rendo a Ti em amor / Pois me entreguei Àquele que é o Senhor”.

A igreja repetia o coro incansavelmente (eu acredito no “poder” da repetição, rs). Quanto mais eu repetia cantando, mais aquela verdade entrava dentro de mim. Foi em meio às repetições que Ele respondeu minha oração: “Você não entregou tudo. Há direitos que você não abriu mão”. Naquele momento vi claramente áreas da minha vida que eu queria ser senhor (dono). Me achava bom o suficiente para administrar algumas coisas… Ele me levou aos caminhos independentes do meu coração. O encontro com nosso eu, choca. Em contra partida, Ele quer que este choque se transforme em rendição e entrega. Ele quer REINAR ABSOLUTAMENTE dentre de nós e PREENCHER TODO o nosso ser! Me arrependi e entreguei para Ele o que não era mais meu. Devolvi o que nunca devia ter pêgo: O controle da minha vida.

Voltei para casa com fragmentos daquela canção. A primeira coisa que fiz foi vasculhar a internet para encontrá-la. Nada. Não consegui. O tempo passou e eu esqueci…

Hoje (06/02/2014) despertei cantarolando “a minha vida entreguei…” Lembrei do encontro, do que Deus havia feito cirurgicamente dentro de mim e passei a manhã forçando a mente para lembrar  o restante da letra.

Curiosamente, o ‘Rafa’ (de Jundiái) postou uma parte da canção no face. Eu fiquei “pirado” e comentei: “Brother, bom dia! Despertei cantando esta música hoje. \o/ Já vasculhei o universo e não a encontro”. Ele respondeu: “Tem no youtube! Apenas o áudio…” Em seguida, a ‘Lu Lança’ respondeu acrescentando o nome do cantor.

Meu irmãoos… Não é que encontrei a música!? Haha Mal pude acreditar! Já ouvi várias vezes, me emocionei e me alegrei!

Quero dividir esta canção e te abençoar. Que Jesus seja o Senhor, Dono Absoluto da nossa vida. Que sejamos escravos voluntários, escravos que amam seu Senhor e querem manter suas vidas presas a Ele. Escravos que escolhem abrir mão do direito porque entendem que suas vidas não as pertencem mais. Que Ele preencha tudo em nós! E que não haja nenhum resquício de “controle próprio” em nossos corações.

  

Entreguei – Rômulo Racanelli

Tu és tão lindo, Senhor
És tão amável, Senhor
És incomparável, Senhor
Jesus

Tu és o Mestre, Senhor
Tu és o próprio Amor
Te seguirei meu Senhor
Jesus

A minha vida entreguei
Tudo a Ti entreguei
O meu presente entreguei
O meu futuro eu entreguei

Sou Teu escravo Senhor
Não tenho direitos
Me rendo a Ti em amor
Pois me entreguei Àquele que é o Senhor

Por ti eu me nego, Senhor
Tudo eu entrego, Senhor
Desejos e sonhos, Senhor
Jesus

Ti servirei meu Senhor
A quem Tu mandares eu vou
Morri pra mim mesmo, Senhor
Jesus

{b.a}

Entrega


Penso no que  que já entreguei… Penso na dor que isto causou… Penso nas vezes que “sangrei”… Mas também penso que sou a Sua recompensa, e que fazê-Lo feliz é maior que qualquer dor do universo.

{b.a}

Testemunho e Clamor – Sertão Nordestino


Este é um tempo em que Deus está movendo pessoas, inclinando corações para um propósito: O sertão nordestino. Se Ele está movendo, eu também me movo. Quero me mover quando a nuvem se move e ouvir Sua voz para o próximo passo.

O Senhor ama os sertanejos e quer salvá-los. Mais do que a chuva que eles necessitam, queremos clamar e ter atitudes para que eles conheçam o Único e Verdadeiro Santo, Jesus.

 Vamos juntos ao sertão?

{b.a}