O estrago de Sansão


Eu já conhecia sua história, mas ontem foi diferente. Eu estava no mesmo lugar de sempre, lendo a palavra. Gosto de estudar a bíblia acompanhado dos comentários bíblicos de “Wiersbe”. O cara tem umas sacadas geniais e cita textos das escrituras que colaboram para a história que está sendo estudada.

Quando cheguei na história de Sansão, li atentamente e muita coisa não me caiu bem. Coincidência ou não, semana passada a Record exibiu o capítulo de Sansão e eu tive a mesma impressão, o mesmo sentimento. Dentro de mim, parecia que algo estava errado com a história daquele homem. E mais do que isto, Deus queria me ensinar alguma coisa através disto.

Bem, depois de terminar a leitura do livro de Juízes me senti muito incomodado. Em seguida, peguei o livro do “Wiersbe” e reli a história organizada em tópicos, só que desta vez do ponto de vista dele, e não do meu. As primeiras linhas me levaram a perturbação e, a medida que fui discorrendo, este sentimento ficou ainda mais latente.

“Sansão retrata as pessoas que têm poder para dominar os outros, mas não conseguem dominar a si mesmas. Ele pôs fogo nos campos dos filisteus, mas não conseguiu controlar o fogo da própria luxúria. Ele matou um leão, mas não pôde matar as paixões da carne. Ele quebrou com facilidade as correntes com que os homens o prenderam, mas os grilhões do pecado, gradualmente, prenderam com mais força sua alma. Ele preferiu trabalhar sozinho, em vez de liderar a nação, e, como resultado disso, não deixou uma vitória permanente em seu rastro. Ele é lembrado pelo que destruiu, não pelo que construiu. Faltaram-lhe a disciplina e a direção, sem as quais sua força pouca coisa poderia realizar.

A tarefa de finalmente derrotar os filisteus ficou para Samuel e Davi, em anos posteriores. Samuel, com uma oração, realizou mais que Sansão em 20 anos de luta”. (Wiersbe)

Eu não sei qual o tipo de sentimento que você tem com relação ao testemunho de Sansão. Quanto a mim, acabo de estragar. Involuntariamente entro em processo de desconstrução e perturbação profunda.

 Vou orar. Reencontrar. Se encontre você também.

{b.a}

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s