Aprendendo a confiar


Um bom dia pra você que assim como eu está continuamente na escola da confiança aprendendo com Abba:

Feliz é o homem cuja confiança está no Senhor, cuja confiança nele está. Ele será como uma árvore plantada junto às águas e que estende as suas raízes para o ribeiro. Ela não temerá quando chegar o calor, porque as suas folhas estão sempre verdes; não ficará ansiosa no ano da seca nem deixará de dar fruto“. Jr 17:7-8

A confiança é a segurança completa de depender de alguém. E é verdade que nem sempre eu confio. Também é verdade que as vezes coloco meus olhos e coração no estado das coisas num determinado momento. E quando empresto minha atenção à isto (ao que se vê e ao que se sente), meu coração deixa de confiar no Senhor e passa a se apoiar no que é visível e tangível. É horrível quando confio em mim mesmo (como descreve os versos 5 e 6 deste capítulo). 

Estou tão convicto de que cada umas dessas provas que vieram até mim nesta semana, vieram com a finalidade de provar o meu coração e ajustá-lo com o propósito original (jardim) – onde o homem dependia só de Deus e confiava plenamente nEle.  

Mas, provas não são duradouras (ainda bem), e elas já se foram :). Elas passaram e imprimiram algo legítimo em mim – Nunca antes o texto de Jeremias fez tanto sentido. Até quando eu temi, Elepôs a Sua palavra num outdoor”, bem na rua… O MESMO TEXTO! haha I-NA-CRE-DI-TÁVEL!!! Ele fez com que dia e noite essas palavras estivessem em meu coração e em minha mente. Ele me ajudou a confiar mesmo quando as CIRCUNSTÂNCIAS foram completamente contrárias. Ele me dá total segurança de que posso CONFIAR NO SEU CARÁTER. Eu sei que posso escolher CONFIAR plenamente em quem DEUS É.

Hoje é dia 140/365 – “Não seremos abalados” foi a trilha sonora da minha semana. Aqui está um filho feliz! :) . Um filho que foi tão abençoado apesar de não possuir nenhum tipo de merecimento. Aqui está um filho feliz que apesar de conviver com Seu Pai, não consegue compreender a dimensão da BONDADE de um PAI tão COMPASSIVO (que se coloca no meu lugar, que sente e experimenta junto comigo). Aqui está um filho grato e absolutamente satisfeito Naquele que satisfaz de verdade.

Ansiando por aquele dia em que poderei estar com Ele de maneira definitiva, sem nenhuma barreira entre nós… Vem logo!

{b.a}

Meu Éden


Passei o dia de hoje pensando sobre o Éden, cujo significado é “prazer” ou “lugar de delícias”. Li e reli o Gênesis 3 – texto que narra Deus procurando o homem, e o homem se escondendo de Deus com medo (que é a ausência do amor).

“E chamou o SENHOR Deus ao homem e lhe perguntou: Onde estás?” Gn 3:9

Há tantas histórias bíblicas (desde Adão) que mostram Deus procurando o homem para relacionamento. Para mim, isto é quebrantador! Porque Deus, O Criador de tudo, que sabe tudo, que não tem ausência de nada e que é completo em Si mesmo, SEMPRE me BUSCA. Me busca porque eu fui CRIADO PARA ELE! E sem Ele (que é o Amor Perfeito) só há medo e desespero em mim.

Alguns minutos longe dEle e o que eu experimento é frieza e desorientação (talvez Adão tenha se sentido assim, desorientado).

Às vezes eu me perco, me afasto e me “afogo” em tanto compromisso e responsabilidade. Há sempre uma nova tarefa a desenvolver, um telefone a atender, um problema para resolver e, a lista, além de extensa, me parece nunca ter fim. Tenho percebido que a ausência de privação sufoca. Há dias em que anseio estar retirado, quieto e focado em minha Bendita Companhia.

Ah, como almejo tanto desejá-Lo como Ele me deseja! Quero a Sua Perfeita Companhia mais do que aos meus amigos e família. Não quero teoria. Quero mais praticidade! Então cancelei o compromisso do sábado a noite, desliguei a internet e parti pro meu retiro com a finalidade de centralizar e alinhar meu coração. Na solitude de hoje fui presenteado com um convite eterno – do Eterno. A canção “Companion” (Companheiro) da Misty Edwards:

“Eu quero a tua companhia

Assim como no jardim

Se estás procurando o Éden

Ache-o em Mim

Ache-o em Mim”

Ele tem Suas maneiras peculiares de falar… E hoje escolheu falar e legitimar meu coração em forma de música. Meu jardim não foi perdido. E Ele não é geográfico… Meu Jardim é uma Pessoa! E a Pessoa é o meu Éden. Uau! Eu tenho um “Lugar de delícias” que está DISPONÍVEL SEMPRE!

O Éden me quer! ELE VIVE ME CONVIDANDO porque deseja companhia. Isso me afeta e constrange. Não há nada que eu faça para Ele parar de me querer.  Que eu permaneça neste Jardim! Porque NEle não tenho falta de nada.

{b.a}

O Caminhar que me preenche


Andando, caminhando, conversando “só”… Praticando solitude… Observo o que eu obviamente não observaria.

O coração desacelera. Gradativamente meus passos também desaceleram. Eu paro. E quando paro recebo a percepção de que a vida do lado de fora parou junto comigo enquanto eu observo os detalhes.

O que está acontecendo aqui? Uma inclinação involuntária! Permaneço e emociono.

Todas as influências externas se foram. A rua está cheia, mas está vazia. Haviam tantas pessoas ali, mas na nova percepção só estávamos eu e Ele… Que momento eterno!

Meu coração é capturado. Então eu clico. Meu capturar se torna uma resposta em gratidão Àquele que me capturou – Eu capturo porque fui capturado. A captura parece vir de dentro, junto com o coração, junto com a respiração, junto com A INSPIRAÇÃO que está JUNTO comigo.

É como se meus olhos tivessem sido afetados de maneira positiva, que agora me permitem ver A Beleza (que é uma Pessoa) em todo lugar.

“Anda (maneira de viver) na minha Presença (face a face)  e sê perfeito (absolutamente preenchido)” Gênesis 17:1 

{b.a}

Meu coração exposto à Palavra


Dos dias que eu não estou legal… Quando as motivações estão erradas e o coração precisa de conserto.

Devo me aproximar dEle. Isto significa aproximar-se da Sua Palavra, por meio da qual Ele vem a mim.

Então, abro o livro e exponho meu coração à Palavra – que é uma Pessoa. E quanto maior o tempo de exposição, maior é a minha cura. A Palavra (Pessoa) corrige, exorta, anima e cumpre o propósito para o qual foi designada: Alinha e apruma.

Sinto como se houvesse uma desintoxicação. Respiro aliviado… Sou reconfigurado no padrão original.

{b.a}

Perdas que são ganhos


Todo dia é dia de aprender. Hoje Ele ensinou-me sobre a importância da perda. Apesar da frustração e do sentimento de inutilidade que a perda causa em mim, lembrei-me de Mt 16:25: “quem perde, acha”. Como é bom ouvir A Voz que cura e anima!

Depois, lembrei-me de uma frase de Tozer: “[Deus] Irá envolvê-lo em um amor tão intenso, tão poderoso, tão abrangente, tão maravilhoso que suas perdas parecerão ganhos, e suas pequenas dores, alegrias”. Me senti envolvido, abraçado.

Mais tarde, o Nouwen me disse o seguinte: “A vida não é mais aborrecida, ressentida, depressiva ou solitária, porque agora sabemos que tudo o que acontece é parte de nosso caminho para a casa do Pai”. Me senti tão confortado…

Jesus, Tozer e Nouwen caminharam comigo hoje e me ensinaram sobre valorizar as coisas “ruins” que me afetam aqui, mas que estão produzindo alegrias eternas. Todo dia é dia de aprender! O que você aprendeu hoje?

{b.a}